Vice da “Frente Vitória Popular”, Araponga vislumbra aumento do número de sócios

Publicado no Arena Rubro-Negra

Foto: Marcello Góis / Arena Rubro-Negra

Por Matheus Caldas

Colaboração: Marcello Góis

Candidato à vice-presidente do Conselho Deliberativo do Vitória pela chapa Frente Vitória Popular, Rafael Araponga está no Barradão para as eleições rubro-negras que ocorrem nesta quarta-feira (29). O concorrente destacou a importância que o pleito tem para a democracia do clube e lamentou o fato de menos de três mil sócios estarem aptos a voto.

“Sabemos que o Vitória é um clube de massa com quase três milhões de torcedores e apenas 2.700 sócios estão votando nessas eleições, longe do propósito ideal da nossa chapa. Nós queremos popularizar o Esporte Clube Vitória, elevar o número de sócios e a nossa bandeira é sempre aproximar o Vitória, essa instituição gloriosa e centenária, de você torcedor de arquibancada, torcedor que frequenta o Barradão”, afirmou, em entrevista ao Arena Rubro-Negra.

Segundo Araponga, uma das principais bandeiras da chapa é a ‘preservação da democracia’. “Que seja feita a vontade do sócio-torcedor e que bandeiras como democracia, profissionalização e popularização sejam preservadas. Estamos buscando o Conselho Deliberativo para, justamente, mantermos essas pautas que são interessantes para a vida política e social do clube”, pontuou.

Além da “Frente Vitória Popular”, concorrem para o Conselho Deliberativo as chapas “Vitória Gigante, Unido e Forte”, “100% Vitória” e “300 do Vitória”.

  • Twitter
  • Instagram
  • Facebook