Conheça os candidatos a presidente da Frente Vitória Popular!

Apresentamos aos torcedores e torcedoras do Vitória um pouco da história e do currículo dos nossos candidatos a presidente dos conselhos Gestor, Deliberativo e Fiscal. Cada um tem a sua própria trajetória, mas uma coisa os unem: a paixão pelo nosso clube!


Presidente do Conselho Gestor - José Guerra


Tem 45 anos, soteropolitano, casado, pai de três leõezinhos, torcedor do Vitória desde que se entende por gente, sócio há mais de 100 meses ininterruptos e conselheiro por duas gestões consecutivas. Bacharel em Direito pela UFBA, Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental pela Escola Nacional de Administração Pública, onde faz parte do quadro de instrutores. Servidor Público desde 2006 com passagens por Ministérios do Desenvolvimento Agrário, Direitos Humanos, Defesa, Presidência da República (Casa Civil e Secretaria Geral), Justiça e Educação. Dentre outras ações, trabalhou na coordenação das Conferências Nacionais de Políticas Públicas, a Política Nacional de Erradicação do Trabalho Escravo e a reestruturação do Conselho Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social. Fez parte de delegações brasileiras em eventos da ONU e OIT. José Guerra teve boa parte de seu caráter formado no cimento das arquibancadas da Fonte Nova, Barradão e onde mais o Vitória estivesse jogando. Tem como primeira lembrança rubro-negra o gol de Bigu no título estadual de 1985. Presente na inauguração do Barradão contra o Olímpia (do Paraguai) e testemunha de arquibancada de feitos inesquecíveis, como o antológico gol de Alex Alves em 1993 e estreia de Petković em 1997. Subiu no barranco com a mãe para assistir à semifinal contra o Atlético-MG em 1999, e já seguiu o clube em arquibancadas Brasil afora. Enfim, José Guerra é participante assíduo da vida do Clube e se orgulha de ser o responsável por defender a proposta aprovada de extinção dos Conselheiros Vitalícios na AGE de Reforma do Estatuto de 2022.



Presidente do Conselho Deliberativo - Vagner Santana


Tem 46 anos, casado, pai de três filhos, soteropolitano, atualmente reside em Cruz das Almas (BA), mas está no Barradão em todos os jogos e reuniões. É torcedor do Vitória desde criança, visita o nosso santuário desde 1985, além de acompanhar jogos fora de Salvador. É Membro da Frente Vitória Popular e conselheiro do Esporte Clube Vitória desde 2019, participou da Comissão Especial e foi relator do recurso referente a destituição do Ex-presidente do Clube (Paulo Carneiro), dirigindo a reunião extraordinário do Conselho Deliberativo e a AGE de destituição. Vagner também foi colaborador da Comissão de Adequação do Novo Estatuto (2022). Durante o mandato de conselheiro, deu apoio jurídico ao Conselho Deliberativo, inclusive com pareceres e orientações, lutou contra a Taxa de Conselheiro, pelo cumprimento das regras estatutárias e a favor da ampla participação democrática do torcedor com efetiva popularização do Vitória. Bacharel em Direito e em Teologia, especialista, advogado, proprietário da empresa Vagner Reis Sociedade Individual de Advocacia, professor dos cursos de Direito e Administração Pública e de Direito Desportivo na Modalidade EAD na UNIFACEMP, doutorando em Direito pela Universidade Argentina John Kennedy. Atuou como Procurador Geral do Município de Cruz das Almas, foi assessor jurídico do município de Dom Macedo Costa e coordenador do Núcleo de Licitações e Contratos do Instituto Anísio Teixeira (IAT) – órgão do Estado da Bahia. Atualmente é assessor jurídico da Câmara Municipal de Cruz das Almas e da Prefeitura de Muritiba (Bahia) e realiza assessoria em Mandato Coletivo Parlamentar. É também Sócio-Proprietário da empresa Compart Escritórios, Cursos, Assessoria e Administração LTDA. Atuou com coordenador de transição de governo do Município de Cruz das Almas nos anos de 2016 e de 2020, e também coordenou o Comitê de Enfrentamento à Pandemia do Covid-19 no município de Cruz das Almas. É palestrante convidado em diversas associações e entidades, notadamente nos temas de Administração Pública, Políticas Públicas, Estatuto da Criança e do Adolescente. Possui vasta experiência em gestão e liderança, em 2019 recebeu título de Cidadão Cruzalmense pelos serviços prestados à Cidade e, em 2020, recebeu a Comenda 29 de Julho, a maior honraria do Município.



Presidente do Conselho Fiscal - Zainildo Pinto


Tem 41 anos, soteropolitano, formou-se em ciências contábeis pela UFBA em 2008 e desde então dedica-se à profissão que escolheu seguir. Sócio de um escritório de contabilidade, já trabalhou também na área de auditoria contábil. Com registro ativo no Cadastro Nacional de Peritos Contadores, trabalha paralelamente como Perito Judicial, onde foi nomeado em diversos processos para trabalhar como Perito Assistente do Juízo em processos que correm nas Varas da Justiça Federal e no Tribunal de Justiça da Bahia. "Zai", como é carinhosamente conhecido, acordou num belo dia, ligou o rádio antes de ir para o colégio e ouviu o hino do Vitória sendo tocado com a notícia de que o clube foi o campeão baiano de 1992, quando tinha em seu elenco Arthurzinho e Zé Roberto. Foi o início de uma paixão! Aprendeu a torcer sozinho ouvindo resenhas e assistindo programas de TV que reprisavam os melhores momentos dos jogos. Foi pela primeira vez ao estádio ver o Vitória em 1993, escondido dos seus pais e sem um centavo sequer no bolso. Seu único combustível era ver de perto o "Brinquedo Assassino", e o Vitória venceu o Flamengo por 1x0 com gol de Roberto Cavalo, pelo campeonato brasileiro daquele ano. Zainildo fez parte do Movimento Somos Mais Vitória, onde, na condição de Diretor Financeiro do movimento, elaborou parecer questionando as demonstrações contábeis do clube e que, ao final, precisaram ser retificadas. Tem orgulho de dizer que foi um dos primeiros sócios torcedores do Vitória, quando em 2005 fez seu cadastro e pagava os boletos mensalmente para ter acesso aos jogos. Dentre estes jogos, pôde ver de perto um sonoro 6x2 sobre o rival.

  • Twitter
  • Instagram
  • Facebook